Do meu "Eu"

Sempre fui uma pessoa um tanto «reservada». Não. Não deve ser a melhor palavra a ser aplicada. Apenas,um tanto introvertida. No Secundário aprendi a refugiar-me nos livos - tanto nos estudos como nos de literatura - na escrita e até mesmo no desenho. Não me identificava com alma viva daquela turma por muito que tentasse,pois,sabia que as mesmas pessoas que agora estariam na boa comigo, daqui a 1hora estariam a morder pelas costas. Digam o que disserem, não suporto gente assim nem consigo lidar com pessoas sabendo o que são. Mesquinhas.
Daí as saudades dos tempos da escola primária. Não há nada mais puro que a infância.

Share This Article:

CONVERSATION

1 comentários :