É claro que fico chateada...

A minha avó está de volta ao hospital. Mais do mesmo. Porque tem problemas de coração e não faz nada de nada que os médicos lhe mandem, nem toma as coisas em condições. A minha mãe tem a preocupação de lhe organizar os comprimidos naquelas caixas com bonecos e tudo para ela saber a que horas do dia é para tomar mas não sei como faz aquilo, toma os do jejum depois de jantar e os do jantar ao almoço. Só pode ser a gozar. Só come porcarias, parece um barril e não ouve o que lhe dizem. Mais uma vez tem o pulmão inflamado porque tem não sei quê asmática. Foi proibida de andar com os cães ao colo por causa disso e o que ela faz? O contrário. E diz aah não faz mal. Mas em que mundo é que a velha vive? Se não tem amor à vida e não quer melhorar bata à bota e não dê trabalho aos outros. Sim porque a minha mãe que é nora é que anda com ela para trás e para a frente, porque a minha tia só cá vem para encher os bolsos e o carro e o meu padrinho/tio é mais azelha que um caxopo. Só bebe.
Depois não querem que fique chateada. O tempo que ela anda pelos cantos deitada o dia inteiro porque quanto menos faz não quer fazer, parece que quer morrer, o meu falecido avô lutou com unhas e dentes para sobreviver. Dá Deus nozes a quem não tem dentes. Enfim.
Um desabafo um tanto agressivo sim. Mas isto dá-me cabo dos sistemas.

Share This Article:

CONVERSATION

1 comentários :