Ribatejo é Tradição


Ontem foi noite da Corrida de Toiros das vindimas, em homenagem ao Dr. Fernando Salgueiro, um cavaleiro cá da terra. Os cavaleiros foram os rapazitos João Moura Jr, Mateus Prieto (de Benfica do Ribatejo) e o João Salgueiro da Costa (de Almeirim e bisneto do Fernando Salgueiro). Ribatejana que sou, não gosto de ir a corridas de toiros, nem as vejo na TV, só fui mesmo para não ficar em casa sozinha até de madrugada com a "malandragem" que tem andado por aqui à solta.
E porque não gosto? Nem é pelos toiros levarem as farpas, simplesmente dá-me um nó no coração cada vez que os cavaleiros (sejam quem forem) encaram o bicho.
Ontem nem houve assim acidente nenhum especial. Houve sim, várias ameaças por parte dos toiros, vários tocos no rabo dos cavalos e uma aparatosa queda de um forcado que acabou por desmaiar.
Não aprecio, ponto.
Mesmo assim, consegui algumas fotos, irei partilhar convosco em Através da Objectiva.


Share This Article:

,

CONVERSATION

6 comentários :

  1. Confesso que as corridas de touros também me metem alguma confusão. Felizmente não são uma tradição aqui do Norte (:

    ResponderEliminar
  2. Eu não conseguiria ver corridas de touros hehe

    ResponderEliminar
  3. É tradição que nunca me disse nada, nem irá dizer. Não consigo compreendê-la por mais que me tentem explicar.

    ResponderEliminar
  4. Eu também sou ribatejana e nunca consegui encontrar o sentido a largadas e corridas de touros. Ainda assim respeito que exista quem goste. Já eu evito tudo o que tenha a ver com isso!

    ResponderEliminar