Partiste-me o coração


Durante muito tempo tentei dar um significado a toda a raiva - não tem outro nome - , a toda a mágoa que sinto em relação a ti. Hoje, assim que voltei a ver a minha primeira aliança, todas as peças se encaixaram, tudo fez sentido.
Tu partis-me o coração. Não de uma vez só. Foste criando falhas, despedaçando-o lentamente e eu deixei porque te amava. Foda-se, eu realmente amei-te, de verdade. Amei-te como nunca tinha amado alguém. Amei-te tanto que me doía o peito de tanto amor que não me cabia no coração.
Amei cada sonho nosso, cada plano que traçámos que não passaram de promessas que o vento levou, planos falhados. 2016 seria o nosso ano, lembras-te? Seria o ano em que daríamos o próximo passo, aquele mesmo passo que me fizeste sonhar acordada durante tanto tempo para depois ser apenas mais uma ilusão no meio de tantas outras porque não soubeste ser homem, não quiseste crescer, fazeres-te à vida e arranjar um emprego como uma pessoa normal faria.
Continuas-te a despedaçar-me o coração, lentamente, silenciosamente. Crias-te uma enorme fenda nas férias do ano passado quando me faltas-te ao respeito e insistis-te numa coisa que sabias que não queria, já to tinha dito várias vezes. Depois daquela noite um enorme buraco foi-se criando entre nós. Tentei esquecer, tentei perdoar. Mas mentiria se dissesse que realmente esqueci ou perdoei.
Contudo, dei-te outra chance. Justamente quando as coisas começaram a normalizar, fizeste questão de abrir outra fenda no meu coração ferido, uma ainda maior, mais funda. (Nem vou mencionar aqui, só a mim diz respeito).
Como ainda não bastava, continuas-te a abrir fendas enquanto o tempo passava, com promessas que não cumprias, com palavras e nada de atitudes, acções.
Mas foi durante estas últimas férias que realmente despedaças-te o que restava dele e eu jurei a mim mesma que não estava para aturar mais aquilo. Não estava disposta a viver uma relação em que chorava mais do que sorria, em que nunca tive direito  a uma ramo de rosas excepto no aniversário ou quando fizemos 1 ano de namoro. Pensando bem, como namorada, a que tive direito mesmo?
Fiz tanto por ti, dei-te tanto de mim e hoje, juro-te, arrependo-me de muita coisa e não voltaria a fazer o mesmo, certamente.
Por tudo isto digo, amei-te muito, de uma forma que eu nem sabia explicar, mas no presente, não sinto por ti nem metade daquilo que já senti.
Agradeço-te imenso por todos os abre-olhos e ainda agradeço mais a mim por ter sido forte o bastante para dizer "Basta".
Partiste-me o coração. Agora resta-me juntar os pedaços, juntá-los com fita cola daquela bem resistente e arranjar uma armadura para o proteger. Porque ao contrário de ti, que certamente, daqui a um tempo já tens outra, levarei muito tempo a curar-me até conseguir confiar em alguém novamente.


Share This Article:

, ,

CONVERSATION

16 comentários :

  1. Força, vais ver que vais conseguir ultrapassar isso, e és mais forte do que imaginas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que já ultrapassei coisa pior que um desgosto de amor. :)

      Eliminar
  2. Bolas, que texto, mais sentido... quem parte o nosso coração dessa forma, não merece o nosso amor realmente... Força!

    Gostei deste teu cantinho 😊

    Beijinho

    ResponderEliminar
  3. Quando quebram a nossa confiança e aquilo que tínhamos de mais forte é das piores coisas, porque criam uma série de mecanismos que não existiam antes. A insegurança, a frieza, a desconfiança vêm logo à tona. E a dor que fica é enorme.

    r: Sou suspeita, mas está fantástica :)

    ResponderEliminar
  4. Tu vais voltar a ser feliz. Vais voltar a encontrar alguém que te faça feliz. Agora é tudo escuro, mas daqui a pouco tudo melhora, acredita! :) Força!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Felizmente, tenho luz em casa por isso tbm existe luz na minha vida :P Estou a brincar.
      Talvez tenhas razão, mas agora tudo o que sei é que levarei algum tempo a curar-me. :/ Mas não é o fim do mundo, como digo, só não existe solução para a morte, de resto, tudo se resolve tarde ou cedo.

      Eliminar
  5. what a lovely post my dear
    amazing pictures so inspiring style
    lovely :)
    with love your AMELY ROSE

    ResponderEliminar
  6. Gostei da honestidade deste post. Força :)

    ResponderEliminar