Gosto de ti, e então? | 1



“Podemos achar que já amámos alguém.
Mas, depois, chega quem nos faz entender que afinal não era amor. Que afinal era assim um gostar quentinho, mas não era amor. Que era um sítio confortável, mas não era amor. Era um estou-aqui-mas-podia-estar-ali. Era assim qualquer coisa a que nos habituámos. Era.
Depois vem quem nos tira o chão.

Quem nos inquieta a mente. Quem nos troca as respostas que tínhamos para a vida. Quem nos faz olhar com outros olhos. Quem nos faz descobrir cheiros e ansiedades. Quem nos faz desinquietar a vida. Descobrir o vazio da falta do outro.
Quem nos ensina a urgência e a saudade.

Isto é amor.”

Rita Leston [Gosto de ti, e então?]

Share This Article:

,

CONVERSATION

9 comentários :

  1. Sigo a página da Rita no facebook há "séculos" e adoro. Ela escreve maravilhosamente bem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sinceramente, o livro não me está a cativar nada de mais. Tem algumas frases com que me identifico mas é muito repetitivo e não é texto corrido, são entradas de diário. Talvez tenha sido erro meu não me ter informado bem sobre o livro,mas o título prometia uma história em grande..assim eu achava. Enfim, ainda me falta algumas páginas, espero pelo menos, entender.

      Eliminar
  2. r: Todas as idades são bonitas, mas os 23 do meu anjinho especialmente!

    ResponderEliminar
  3. Respostas
    1. O livro tem frases giras mas em si, está-me a desiludir :S

      Eliminar
  4. Adorei, a verdade é que só quando conhecemos aquela pessoa especial descobrimos o amor, e só depois percebemos que tudo o que tínhamos sentido antes, afinal
    não o era.

    ResponderEliminar