Pedro Chagas Freitas | Eu sou Deus


«Desconcertante, Pedro Chagas Freitas ensina-o, no seu estilo irreverente e único, a olhar para o mundo de um ângulo completamente diferente. Um ângulo que elimina, sem misericórdia, conceitos e percepções que você julgava intocáveis. 
EU SOU DEUS não é sobre fazer as coisas direitas - mas sim sobre ir ao encontro do seu direito. O direito a respirar, o direito a pensar, o direito a ser. O direito a viver. 
EU SOU DEUS não é sobre aquilo que você não pode fazer - mas sim sobre aquilo que você pode, e deve, fazer. Você pode sentir medo, pode sentir inveja. Você pode sentir aquilo que o mundo insiste em dizer-lhe para não sentir. Você pode ser o seu mundo. Por isso: porque não mudar o mundo? 
 EU SOU DEUS não é um livro de auto-ajuda. Mas se você o ler pode auto-ajudar-se. Tenha cuidado.»


Decidi dar mais uma chance ao gajo, ainda com a esperança que me surpreendesse. Qual quê...Eu sou Deus consegue ser mais aborrecido e repetitivo que os outros que já li. A única coisa que me fez terminar o livro foi mesmo não gostar de deixar livros a meio.
Algum fã por aqui? Ainda não percebi como consegue ter tantos leitores.  Esclareçam-me, sff. 

Share This Article:

,

CONVERSATION

8 comentários :

  1. Não conheço e parece não fazer bem o meu género :|
    with love, KATE ❤

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda estou para saber como tem tantos fãs, acredita :P

      Eliminar
  2. Por acaso nunca li nenhuma obra dele porque sinceramente não me chama

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda estou para tentar descobrir um livro dele que goste..quase missão impossível.

      Eliminar
  3. Nunca li nenhum mas com esta tua opinião já não vou ler ahah

    Beijinhos
    That Girl

    ResponderEliminar