Não sou a mesma pessoa


Tive um Secundário difícil, sobretudo os dois últimos anos. Mas agora, enquanto tenho um rapaz que eu detestava, numa mesa em frente da minha à espera de uma reunião com o meu patrão, percebi que realmente não sou a mesma pessoa. Não sou fraca como era. Não guardo rancor mas também não sou duas caras como o feijão frade para estar aqui a conversar com ele como se fosse meu amigo, porque isso ele nunca foi. Conhecido, ex-colega de turma, sim. Amigo? Nunca!
Mas só tenho a agradecer a ele e ao grupinho de *putinhas* dele, a forma como me trataram, ignoraram, gozaram durante esses dois anos tornou-me mais forte. Tornou-me até mais confiante, talvez não ainda em níveis que devia mas um bocadinho, sim.
Porque a vida continua e é como um moinho. Hoje estás na mó de baixo, amanhã podes estar na de cima, mas quanto mais alto se sobe maior é a queda, é por isso que sempre gostei de andar nos meios-termos, sempre na minha onda sem grandes alaridos.  

Share This Article:

,

CONVERSATION

6 comentários :

  1. É triste quando as pessoas não têm o mínimo de respeito pelos outros. Mas, sim, essas circunstâncias também ajudam a crescer!

    ResponderEliminar
  2. O passar do anos vai mudando aquilo que somos!
    Fico feliz que estejas bem com essas mudanças!

    Bjxxx
    Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada :) Na altura foi muito complicado mas tenho noção que foram essas vivências que me tornaram no que sou hoje

      Eliminar
  3. Também não tive um secundário fácil mas foi graças a isso que me tornou forte .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É bom quando isso nos fortalece, não é? :)

      Eliminar